VENDA MAIS

Como criar uma promoção de Black Friday que seja imperdível?

Já tá de olho na Black Friday pra aumentar o faturamento da sua loja? Veja 4 dicas pra criar uma promoção imperdível na Black Friday!

13h | 07 de novembro 2020 Por Capitã SOS

Tripulação, a Black Friday se aproxima (é dia 27 deste mês!) e a oportunidade de faturar muito com grandes descontos também! Por isso, no post de hoje, você vai ter novas ideias de como cortar os preços, fazer uma promoção de Black Friday imperdível pros seus clientes e faturar mais nessa data!

AH! Antes, eu preciso te lembrar que não adianta fazer promoção e deixar todo mundo louco pelos seus produtos se você não tiver um estoque pra atender essa demanda, hein?! Então, dá uma olhada nesse post aqui, que eu já te contei como cuidar do estoque pra Black Friday.

Agora, vem ver minhas 4 dicas pra fazer promoções atraentes, mas que não te deixarão com uma mão na frente e outra atrás no dia 28 de novembro:

1. Dê GRANDES descontos!

A Black Friday virou uma data tão importante pro comércio justamente por vir com GRANDES descontos!

Então, anunciar uma promoção de Black Friday e dar 5% ou 10% de desconto é garantia de frustação pros seus clientes. Por isso, faça uma boa avaliação de quais produtos podem ser vendidos com descontões de pelo menos 30%.

Afinal, você não precisa colocar a loja inteira em promoção! Em vez disso, analise bem o seu estoque pra ver o que pode ter uma grande saída com o desconto maior. Por exemplo, se tiver alguma coisa que não tem vendido tão bem, é uma boa reduzir bastante o preço dela na Black Friday pra liquidar esse estoque.

Nathalia Arcuri levantando as mãos e dizendo "é justo"

#PRATODOSVEREM: Nathalia Arcuri levantando as mãos e dizendo "é justo"

2. Não tenha prejuízo

Mas OLHO VIVO, tripulação: o desconto grande não pode te dar prejuízo!! A ideia é que, sabendo da Black Friday, a cliente e o cliente cheguem à sua loja com ainda mais vontade pra comprar. E não que você termine a data sem estoque e vendendo tudo a preço de custo, ou até menos!

E, acredite, eu já vi embarcações que fizeram descontos agressivos DEMAIS e acabaram afundando com a Black Friday. Mas o que a gente quer é aproveitá-la como um impulso, certo?!

Por isso, na hora de calcular o desconto, tenha certeza que o valor oferecido ainda será bom pra sua loja, ou seja, que você ainda vai lucrar com a venda. A ideia é diminuir o lucro, não acabar com ele, combinado?!

#PARATODOSVEREM: Rosto de mulher jovem, branca, cabelos longos e escuros chamada Nathalia Arcuri, com dedo no olho, dizendo "DE OLHO"

3. Crie kits de produtos

E sabe uma ótima forma de fazer isso, enquanto também atrai mais clientes? Criar kits exclusivos para a data. Melhor ainda se esses kits tiverem inclusos os itens que estão parados no estoque!

Em primeiro lugar, fazendo isso, você consegue aumentar o valor agregado do que está oferecendo. Isso que significa que o cliente vai enxergar mais VALOR e menos PREÇO! Além disso, é uma boa forma de limpar o estoque dessas coisas paradas, que não venderam tão bem quanto você esperava.

Por fim, ter kits exclusivos de Black Friday cria urgência: se não comprar agora, não vai ter mais! Ou seja, além da urgência da pessoa ter que comprar AGORA, também tem a exclusividade do que tá levando, que não estaria disponível em nenhuma outra data.

PODEROSA essa ideia, vai?????

Nathalia Arcuri tocando na cabeça, com cara de "entendeu?"

PRATODOSVEREM: Nathalia Arcuri tocando na cabeça, com cara de "entendeu?"

4. Encontre oportunidades

Mas não são só kits que vendem bem na Black Friday. Lembra que eu falei que você não precisa baixar o preço de TUDO?!  Você pode colocar um item principal na Black Friday e outros itens que tenham a ver com ele não estarem na promoção.

Por exemplo: se você vende cosméticos artesanais, pode colocar a linha de sabonetes na promoção e não incluir o hidratante para rosto ou um esfoliante natural. Na hora de vender, explique como os três funcionam bem juntos, mas venda os dois últimos com o preço cheio.

Ou, então, se você vende eletrônicos, pode reduzir o preço do smartphone, que é o produto "principal"... E sugerir que o cliente leve também uma capinha e a película protetora. A capinha e a película custam MUITO menos que o aparelho, mas são essenciais pra protegê-lo e garantir que ele vai durar mais. Então, elas podem ser vendidas pelo preço normal mesmo na Black Friday.

Entendeu a tática? Dessa forma, você consegue aumentar o valor médio da venda, mesmo que a sua loja esteja com promoções de Black Friday!

Nathalia Arcuri com as mãos do lado da cabeça, como se sua mente tivesse explodindo, falando "uau!"

#PRATODOSVEREM: Nathalia Arcuri com as mãos do lado da cabeça, como se sua mente tivesse explodindo, falando "uau!"

"Caramba, Capitã, essa última dica mudou TUDO na minha cabeça!!!"

E eu tenho CERTEZA que minha tripulação vai saber melhor que ninguém aproveitá-la pra faturar muuuuuito! Então, pegue uma calculadora e dê uma boa olhada em todos os produtos e no estoque. Assim, você já pensa no que vai oferecer na promoção de Black Friday pros seus clientes!

Agora, dica boa é dica compartilhada! Por isso, use os botões aí embaixo pra mandar esse post pra alguém que você sabe que precisa de ideias novas pra fazer uma promoção incrível na Black Friday.

Até a próxima, e não se esqueça: promoções são suas aliadas pra vender mais, desde que você saiba o que está fazendo.

Leia também


Compartilhe este post

Posts relacionados

Este site usa cookies para garantir que você obtenha uma melhor experiência conosco. Para saber mais, acesse nossa Política de Privacidade