ESTRELAS

O problema já temos, vamos focar na solução, por Luiza Trajano

Foque na solução e pense em alternativas para se adaptar ao que estão chamando de “novo normal”, pois temos que sair dessa crise transformados e melhores.

09h | 14 de julho 2020 Por Capitã SOS

Banner com foto de Luiza Trajano e os dizeres "estrela guia por Luiza Trajano"

Por Luiza Trajano

O problema da Covid-19 é gigantesco pra saúde e pra economia. Essa realidade deixa todos nós, em um primeiro momento, paralisados e imobilizados pelo medo. No entanto, acho que devemos sempre focar na solução e pensar nas alternativas que podemos adotar rapidamente para nos adaptarmos ao que estão chamando de “novo normal”, pois temos que sair dessa crise transformados e melhores.

O mundo certamente não será mais o mesmo, em todos os aspectos,  depois dessa complicada experiência com uma pandemia. Mas sempre digo que nada é tão poderoso quanto uma ideia quando chega no tempo certo. 

No Magazine Luiza, nós sempre nos preocupamos em gerir a empresa com inovação. Durante anos, alertei em minhas palestras que quem ainda não estava no mundo digital deveria acelerar esse processo. O risco? Ficar para trás.

E esse alerta era especialmente importante para os pequenos e microempresários, pelos quais sou apaixonada, pois os vejo como uma solução para o desemprego no país.

'Digital' é uma cultura

Entre as profundas mudanças que podemos esperar no mundo pós-pandemia, certamente estará a aceleração do digital. Inclusive, as empresas que estão se saindo melhor atualmente são as que já estavam com suas operações on-line organizadas. Entenda: “digital” não é um site ou um aplicativo. É uma cultura, é pensar na forma simples de atender seu cliente e minimizar processos.

Veja o exemplo dos bares e restaurantes. Alguns não gostavam ou não estavam preparados para a operação via delivery, às vezes por entenderem que isso não dava lucro ou por quererem ter os clientes fisicamente em seu espaço. Mas eles tiveram que adaptar suas operações em poucos dias para continuarem atendendo. E, a partir de agora, restaurantes que nunca pensaram no delivery como uma fonte de renda terão que mudar seu modelo.

É muito importante entender que a transformação digital não afasta a empresa do cliente. Pelo contrário: aumenta ainda mais a responsabilidade de cuidar individualmente de cada um deles e aperfeiçoar a relação com um atendimento exclusivo, o que pode ser um excelente diferencial para micro e pequenas empresas.

A hora de inovar é agora

Inovação é algo que tem que nascer dentro de cada um neste momento: reinvente sua profissão, seu negócio, sua fórmula. É fundamental buscar alternativas, pois os negócios continuarão a existir, mas de uma nova forma. Cabe a cada um encontrar seu caminho, que certamente passará pela cultura digital.

Nesse momento de transição, peço que você tenha calma. Todos teremos prejuízo neste período. Não se sinta sozinho, reinvente seu negócio e, principalmente, converse com sua equipe, pois a soma de QIs será indispensável.

O que precisamos ter em mente é que está difícil, sofrido, mas vai passar. E temos que tirar desse momento a lição de que cada um precisa descobrir o seu propósito e o de sua empresa, pra levantar da cama todos os dias buscando realizar esse propósito. São as lições aprendidas por cada pessoa e cada empresa após esse período que irão construir um país melhor.


Luiza Helena Trajano é Presidente do Conselho de Administração do Magazine Luiza e Presidente do Grupo Mulheres do Brasil.

Leia também


Compartilhe este post

Posts relacionados

Este site usa cookies para garantir que você obtenha uma melhor experiência conosco. Para saber mais, acesse nossa Política de Privacidade